Pular para o conteúdo principal

Segurança em Cirurgia Plástica em Manaus


Segurança em Cirurgia Plástica exigida pela ANVISA


Vamos analisar os riscos das cirurgias plásticas e as exigências da ANVISA e CFM 


Um centro especializado que só realiza cirurgias plásticas eletivas, em pacientes sem doenças, evitando desta forma o risco de infecção hospitalar. Apesar dos riscos de complicação serem minimizados pelo fato do centro cirúrgico ser devidamente equipado e aprovado pela ANVISA para quaisquer emergências e sempre deve haver presença do anestesista, conforme a resolução do Conselho Federal de Medicina (CFM).


Deve haver  convênio com Ambulância e Hospital de Retaguarda para uma eventual necessidade de internação em caráter emergencial. 



- Qualificação do Médico: Segundo a Resolução 1711 do CFMa cirurgia plástica só pode ser realizada por Cirurgião Plástico, com Título de Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e reconhecida no Conselho Federal de Medicina. 



- Volume Máximo Aspirado em Lipoaspiração: Segundo a Resolução 1711 do CFM, o volume máximo que podemos aspirar de gordura, corresponde a 7% do peso corporal, por isto o paciente deve emagrecer para retirada apenas de gordura localizada. A lipoaspiração não é método de emagrecimento.



- Local Apropriado: Segundo a Resolução 1886 do CFM e Resolução 215 do CREMERJ, a cirurgia plástica ou lipoaspiração de pequenas ou grandes áreas (ou volumes), com anestesia local, peridural ou geral - ou seja, qualquer forma de lipoaspiração, mesmo chamada de hidrolipo, mini lipo ou lipo light – tem que ser realizada numa Unidade Tipo III. Unidade Tipo III diz respeito às instalações mínimas necessárias para se realizar uma lipoaspiração em acordo com as leis vigentes, cumprindo todas as normas de segurança – para sua segurança. Resumindo, a lipoaspiração tem que ser realizada em Sistema Day Clinic, numa sala de cirurgia devidamente equipada com todos os equipamentos necessários para uma eventual emergência, com sistema de ar condicionado apropriado com filtros específicos em acordo com as normas da RDC 50 da ANVISA, com barreiras próprias de fluxo de áreas limpas e com local apropriado e equipado para permanecer em observação após procedimento. É obrigatório que o local tenha um convênio com ambulância e hospital de retaguarda para uma eventual emergência. 



Risco Anestésico: Mesmo num tratamento dentário, com anestesia local, há risco, inclusive de choque anafilático com alergia ao anestésico. No entanto, temos um anestesista à disposição com os equipamentos necessários para reverter possíveis intercorrências, num ambiente preparado e aprovado pela ANVISA. 




Risco de Trombose e Embolia: Num estudo realizado nos EUA com 15000 pacientes submetidos, nenhum caso de complicação séria como trombose / embolia foi observado. Quando o paciente está acordado ou levemente sedado – sem anestesia geral ou peridural – o tônus da musculatura da perna permanece ativo, e durante o procedimento ele nos ajuda virando de um lado para o outro. Esta sua mudança ativa, por si só, já ajuda a prevenir tromboses nas pernas. Isso não ocorre quando se está com anestesia geral ou peridural. Com anestesia geral ou peridural os músculos das pernas ficam relaxados e o sangue pode estagnar e coagular causando embolias e trombos venosos. Este risco se agrava ainda mais nas mulheres que fazem uso de anticoncepcionais e/ou fumam por isto indicamos o uso de meia própria para ativar a circulação das pernas e ainda por cima perneira com compressor. Além do que temos fisioterapeutas especializadas em tratamento preventivo pre operatório para ativar a circulação dos membros diminuindo ou erradicando os riscos .




- Risco de infecção (inclusive Micobacteria):  Realizamos os procedimentos no Centro Cirurgico que trata apenas de pacientes saudáveis .

Você não correrá o risco de entrar num centro cirúrgico que tenha sido usado para uma cirurgia contaminada antes do seu procedimento, ou que esteja sendo feito uma cirurgia contaminada na sala ao lado.  A esterilização dos materiais é realizada seguindo padrões internacionais de limpeza e esterilização. Nossas cânulas sofrem exaustivos ciclos de lavagem com lavadora ultra sônica, de modo que o ultra-som atinja locais que a escovação poderia não ter atingido.



-Infecções Hospitalares: As infecções, principalmente as hospitalares com germes multi-resistentes, ocorrem em clínicas e hospitais que atendem vários tipos de doenças, misturando pacientes saudáveis com pacientes com doenças graves e transmissíveis. Os quartos, salas de cirurgia, equipamentos, e materiais, muitas vezes atendem tanto aos pacientes saudáveis de cirurgia plástica ("limpos") quanto aos com doenças infectantes 

("contaminados"), favorecendo desta forma o surgimento das infecções. 


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

FINANCIAMENTO DE CIRURGIA PLASTICA EM MANAUS

Vale a pena financiar sua plástica? A resposta para a pergunta abaixo vai depender do seu nível de emergência em fazer a cirurgia, da sua situação financeira, do seu planejamento… Existe mais de uma maneira de conseguir a quantia para pagar pela tão sonhada plástica. Analise qual delas combina mais com seu perfil e comece a fazer as contas! Por Lara Martins Você já decidiu a plástica que deseja fazer, mas não tem o dinheiro em mãos para seguir em frente? Essa situação é a coisa mais normal do mundo e atinge a maioria das mulheres interessadas em dar um retoque no visual. Porém, hoje em dia, essa não é desculpa para adiar a realização do procedimento. Existem algumas maneiras para conseguir o dinheiro, cada uma com suas vantagens, desvantagens e pegadinhas. Mas respire fundo antes de tomar uma decisão. No caso de uma cirurgia plástica, há a interferência direta do lado emocional e, quando a emoção está no meio, nem sempre raciocinamos direito e podemos tomar a decisão erra…

SEIOS P, M OU G? (próteses de silicone em Manaus)

Seios P, M ou G?
Grandes demais ou pequenos demais? A mulher que nunca se pegou pensando qual o tamanho ideal de seios para o seu corpo, que atire a primeira pedra. Para acabar com essa dúvida, esclareça aqui quais os prós e contras para cada tamanho de mama

Dados da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica estimam que os cirurgiões plásticos realizam aproximadamente 640 mil procedimentos cirúrgicos por ano no Brasil. As mulheres, responsáveis por 82% das intervenções, optam principalmente pelos implantes mamários. Já nos Estados Unidos, a Sociedade Americana de Cirurgia Plástica Estética (ASAPS) divulgou que, em 2010, o procedimento cirúrgico número 1 no país (pelo terceiro ano consecutivo) foi o aumento mamário (318.123 cirurgias).
Desses, 38% envolveram implantes salinos e 62% foram feitos com implantes de silicone. 
Segundo a Allergan, detentora da linha Natrelle de implantes de silicone e expansores para cirurgias de aumento e reconstrução mamária, a idade das mulheres interessadas …

PROTESE DE SILICONE EM MANAUS - TIRE SUAS DÚVIDAS

Mamoplastia de AumentoO que é a cirurgia de aumento de mama? Também conhecida como mamoplastia de aumento, a cirurgia de aumento de mama utiliza implantes para dar volume aos seios ou restaurar o volume mamário perdido após perda de peso ou gravidez.


Aumento da Mama Se você está insatisfeito com o tamanho da sua mama, a cirurgia de aumento de mama é uma opção a ser considerara. O aumento de mama pode:
• Aumentar o tamanho e projeção de seus seios,
• Melhorar o equilíbrio de seu corpo,
• Melhorar a sua autoestima e autoconfiança.
Os implantes também podem ser utilizados para reconstruir a mama após a mastectomia ou lesão.

O que não acontecerá A mamoplastia de aumento não corrige seios severamente caídos. Se você deseja um resultado que corrija a flacidez, o procedimento de elevação da mama pode ser realizado ao mesmo tempo que o aumento de mama ou, então, pode ser necessária uma segunda cirurgia. Seu cirurgião plástico irá ajudá-la a tomar esta decisão.

É certo para mim? A mamoplasti…