Pular para o conteúdo principal

SAÚDE DO CORAÇÃO

Saúde do coração

Mais da metade dos jovens com excesso de peso têm ao menos um fator de risco para doença cardíaca

Pesquisa mostrou que problemas de saúde, como diabetes e colesterol alto, atingem jovens mais cedo do que se pensava

60% dos jovens de 12 a 19 anos com obesidade nos EUA têm ao menos um fator de risco, além do excesso de peso, para problemas cardíacos 60% dos jovens de 12 a 19 anos com obesidade nos EUA têm ao menos um fator de risco, além do excesso de peso, para problemas cardíacos (Thinkstock)
Um trabalho publicado nesta segunda-feira na revista médica Pediatrics mostrou que as doenças cardíacas estão atingindo pessoas com excesso de peso mais cedo do que se imaginava. De acordo com a pesquisa, metade dos adolescentes com sobrepeso e 60% daqueles com obesidade têm um ou mais fatores de risco para doenças do coração. São quadros como pré-hipertensão, colesterol alto ou diabetes.

CONHEÇA A PESQUISA

Título original: Prevalence of Cardiovascular Disease Risk Factors Among US Adolescents, 1999−2008

Onde foi divulgada: revista Pediatric

Quem fez: Ashleigh May, Elena Kuklina e Paula W. Yoon

Instituição: Centro para Controle e Prevenção de Doenças (CDC)

Dados de amostragem: 3.383 adolescentes de 12 a 19 anos

Resultado: Fatores de risco para doenças cardíacas estão presentes em 60% dos jovens com obesidade; 49% dos jovens com sobre peso; e 37% dos jovens com peso normal. A taxa de diabetes entre os adolescentes aumentou de 9% em 1999 para 23% em 2008
Esses dados foram levantados por especialistas do Centro para Controle e Prevenção de Doenças (CDC, na sigla em inglês), órgão de saúde dos Estados Unidos. Os pesquisadores acompanharam, de 1999 a 2008, 3.383 jovens de 12 a 19 anos que participaram do Estudo Nacional de Saúde de Nutrição, feito pelo próprio CDC. Durante esse período, a incidência de pré-hipertensão, hipertensão e colesterol alto não mudou. Por outro lado, a prevalência de quadros pré-diabéticos e de diabetes aumentou de 9% para 23%.
O estudo ainda indicou que 37% dos jovens, mesmo com peso normal, carregam ao menos um fator de risco para doenças cardíacas. Os pesquisadores acreditam que isso se deve ao sedentarismo e à má alimentação, hábitos que estão cada vez mais presentes na juventude atual.
De acordo com os autores do estudo, esses resultados mostram que os adolescentes americanos carregam um fardo substancial de fatores de risco cardiovascular, especialmente os jovens com sobrepeso ou obesos. “Além do excesso de peso, os pais devem estar cientes dos problemas que isso causa ao coração”, diz Ashleigh May, coordenadora do estudo

Fonte: Veja

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

FINANCIAMENTO DE CIRURGIA PLASTICA EM MANAUS

Vale a pena financiar sua plástica? A resposta para a pergunta abaixo vai depender do seu nível de emergência em fazer a cirurgia, da sua situação financeira, do seu planejamento… Existe mais de uma maneira de conseguir a quantia para pagar pela tão sonhada plástica. Analise qual delas combina mais com seu perfil e comece a fazer as contas! Por Lara Martins Você já decidiu a plástica que deseja fazer, mas não tem o dinheiro em mãos para seguir em frente? Essa situação é a coisa mais normal do mundo e atinge a maioria das mulheres interessadas em dar um retoque no visual. Porém, hoje em dia, essa não é desculpa para adiar a realização do procedimento. Existem algumas maneiras para conseguir o dinheiro, cada uma com suas vantagens, desvantagens e pegadinhas. Mas respire fundo antes de tomar uma decisão. No caso de uma cirurgia plástica, há a interferência direta do lado emocional e, quando a emoção está no meio, nem sempre raciocinamos direito e podemos tomar a decisão erra…

PROTESE DE SILICONE EM MANAUS - TIRE SUAS DÚVIDAS

Mamoplastia de AumentoO que é a cirurgia de aumento de mama? Também conhecida como mamoplastia de aumento, a cirurgia de aumento de mama utiliza implantes para dar volume aos seios ou restaurar o volume mamário perdido após perda de peso ou gravidez.


Aumento da Mama Se você está insatisfeito com o tamanho da sua mama, a cirurgia de aumento de mama é uma opção a ser considerara. O aumento de mama pode:
• Aumentar o tamanho e projeção de seus seios,
• Melhorar o equilíbrio de seu corpo,
• Melhorar a sua autoestima e autoconfiança.
Os implantes também podem ser utilizados para reconstruir a mama após a mastectomia ou lesão.

O que não acontecerá A mamoplastia de aumento não corrige seios severamente caídos. Se você deseja um resultado que corrija a flacidez, o procedimento de elevação da mama pode ser realizado ao mesmo tempo que o aumento de mama ou, então, pode ser necessária uma segunda cirurgia. Seu cirurgião plástico irá ajudá-la a tomar esta decisão.

É certo para mim? A mamoplasti…

SEIOS P, M OU G? (próteses de silicone em Manaus)

Seios P, M ou G?
Grandes demais ou pequenos demais? A mulher que nunca se pegou pensando qual o tamanho ideal de seios para o seu corpo, que atire a primeira pedra. Para acabar com essa dúvida, esclareça aqui quais os prós e contras para cada tamanho de mama

Dados da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica estimam que os cirurgiões plásticos realizam aproximadamente 640 mil procedimentos cirúrgicos por ano no Brasil. As mulheres, responsáveis por 82% das intervenções, optam principalmente pelos implantes mamários. Já nos Estados Unidos, a Sociedade Americana de Cirurgia Plástica Estética (ASAPS) divulgou que, em 2010, o procedimento cirúrgico número 1 no país (pelo terceiro ano consecutivo) foi o aumento mamário (318.123 cirurgias).
Desses, 38% envolveram implantes salinos e 62% foram feitos com implantes de silicone. 
Segundo a Allergan, detentora da linha Natrelle de implantes de silicone e expansores para cirurgias de aumento e reconstrução mamária, a idade das mulheres interessadas …